segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

UMA HOMENAGEM

Olá, em primeiro lugar gostaria de agradecer todas as pessoas que passam por aqui, as que deixam comentários, e as que não deixa também...rsrs, as que mandam e-mails.

Desejar que 2010 seja de dias melhores, que com planejamento dedicação saúde e boas estratégias todos nós possamos conseguir realizar nossos projetos.

Estou tendo alguns contra-tempo, que estão me impedindo de vir aqui atualizar as postagens.
Tenho recebido um apoio especial da minha querida Margaret que tem feito alguns comentários sobre o que tenho realizado, mas infelizmente ainda não fiz os devidos post, que farei assim que tudo estiver devidamente resolvido.



Homenagem ao CESAR

Agora quero também deixar um breve resumo da minha vida com meu marido, para lembrar a passagem do aniversário dele, Cesar, marido e companheiro a mais de 30 anos, alias entre namoro e amizade já devem somar uns 39 anos por aí, se não for mais. Vejamos....eu tinha 11 anos quando o conheci, e logo fiquei completamente apaixonada, imagine aí, quando que naquela época eu poderia imaginar que ele seria meu marido e que viveria o resto da minha vida com ele. Já se passaram tantas coisas ao longo desses anos.

Mas quero que fique aqui registrado o meu amor, meu carinho, e toda minha admiração pela pessoa que ele se tornou, porque ao longo de todos esses anos as pessoas se modificam, e ele não foi diferente, se transformou numa pessoa melhor, num pai muito dedicado, atualmente num vovô super querido e muito amado. Claro que diante de tantas transformações, seus longos cabelos deram lugar a uma linda carequinha...rsrsr, seu abdomem de tanquinho a uma roliça, nem tão grande assim, mas uma barriguinha, e lógico que estou só falando dele, porque o tempo não passou só pra ele né, mas não estou falando de mim hoje, vamos voltar ao homenageado em questão....rs
Diante de tantas novas coisas que ele aprendeu, muitas eu diria que ele melhorou. Porque é assim: Começamos a namorar quando ele tinha uns 18 anos, eu lembro que ele servia o exército. Uma vez escrevi pra ela no quartel e o coitado tinha que pagar castigo para poder ler minha carta, tadinho....mas o amor compensa todos os castigos né mesmo?

Já fizemos muitas coisas juntos, eramos muito inexperientes, mas ele tirava onda de que sabia de tudo, claro pra me impressionar, e eu apaixonadíssima, me impressionava até com as caras e bocas que ele fazia, como é lindo estar apaixonada quando se é novinha, eu lembro que quando já estavamos namorando sério mesmo, aqueles namoros que tem que pedir pro pai, logo depois de alguns meses resolvemos ir ao motel, era a maior novidade do momento, todo mundo queria ir pra conhecer, e é claro pra namorar, drive-in também fazia parte das nossas noitadas de namoro, tinha até um auto cine, chamava Auto Cine Chaparral, ficava na Marginal Tiête, era o máximo ir ver filme lá, nunca me lembro do nome de nenhum filme que assisti lá, mas dos "amassos" no carro, aaaa esses foram inesquecíveis. E olhe tudo que estou falando foram experiência novas tanto pra mim quanto pra ele, mas isso só fui descobrir depois de alguns anos de casada, que ele falava assim: Lembra aquela vez que fomos num tal motel? Pois é eu nunca tinha ido num motel na vida, perguntei pro meu chefe como fazia pra você não perceber, assim você nunca poderia achar que eu nunca tinha ido num motel. Eu morri de rir, e hoje fico pensando como os homens são bobos, acreditando que tem que passar mais experiência do que a gente. Mas eu entendo, faz parte de uma criação machista que ele possivelmente recebeu.
Resumidamente foi assim: tivemos várias experiências juntos, namoramos, viajamos, acampamos, nos casamos tivemos nosso primeiro filho, vivemos juntos a completa falta de experiência em ser pais, nos dedicamos muito em dar o melhor e criar da melhor maneira possível nosso filho, depois de 3 anos veio o segundo, nos separamos por 1 ano, período de muita tristeza muita cabeçada, mas muito rico e aprendizado, reatamos depois de muito nos magoarmos. Crescemos muito com tudo que aconteceu, nesse período fui trabalhar com comissária de bordo, que aliás, sem a presença dele na educação dos meninos teria sido muito difícil, ele era a figura presente na formação deles, eu chegava ficar fora de casa por 5 dias, e os meninos ficavam com minha mãe e ele os pegava todos os dias e levava no dia seguinte quando ia trabalhar. Assim caminhavamos para construir e dedicar o que podiamos de melhor para os meninos.
Perdi minha mãe subitamente, depois de 2 anos viemos morar na Bahia por descisão minha, onde em comum acordo concordamos que seria o melhor lugar para criar os meninos que estavam entrando na adolescência, depois de 1 ano morando aqui parei de voar, já tinham somados 10 anos voando, por descisão e por força de uma circunstância onde a empresa que eu trabalhava (Vasp) estava se deteriorando e com o seguir dos anos veio a falência, resolvi pedir demissão antes que a empresa encerrasse as atividades e eu ficasse sem opção. Neste momento o Cesar foi descisivo na minha opção, ele fez uma campanha com os meninos para que eu parasse de voar, e eu que já estava muito descidida, sucumbi. Logo depois de 4 meses que eu tinha parado de voar, descobri que estava grávida do meu terceiro filho, que nasceu no ano seguinte fechando aqui meu ciclo de ser mãe. Isso tudo aconteceu muito rápido, muitas coisas foram difíceis de aceitar, principalmente o fato de eu não poder trabalhar porque estava com bebe pequeno e estava tendo um filho depois de 13 anos, que era a idade do meu filho do meio e o mais velho com 16. Foi muito difícil de aceitar, uma nova cidade, uma nova maneira de viver, sob muitos aspectos foi muito interessante e muito legal, mas por outro lado foi tudo muito dificil. E mais uma vez vencemos nossos medos.
Quando meu caçula estava com 4 anos, nos separamos novamente, desta vez parecida que seria definitivo, apesar das circunstâncias que tudo aconteceu, eramos amigos, todos os finais de semana ele vinha na minha casa, e claro obvio e evidente que mais uma vez a separação não deu muito certo, e menos de um ano tá ele de volta vindo morar com a gente.
Na verdade, casamos muito jovens, e talvez algumas experiências que poderiamos ter vividos quando solteiros não aconteceram, daí esta perda de vivência tenha acarretado alguma falta que sempre atrapalhava nosso relacionamento.
Hoje em dia acredito que diante de tantas coisas que ja vivemos juntos, fica difícil nos separarmos. Já amadurecemos muito, somos cumplices em muitos pensamentos e atitudes, a não ser que ele tenha aquela síndrome do "coroa" que não aguenta ver uma garotinha nova, e me troque por uma novinha, rsrsrs.. coisa que não acredito que aconteça mas não duvido, porque homens tem uma tendência a não pensar pela cabeça de cima né gente, caso contrário, vamos seguir nosso caminho durante muitos e muitos anos.
Recentemente tive um problema de saúde que se não fosse ele estar ao meu lado, se dedicando como ele se dedicou, cuidando de tudo como ele cuidou, acredito sinceramente que hoje eu não estaria aqui escrevendo.
Cesar agora está com 53 anos que fez 10/01/10 ontem e atualmente está se dedicando a fazer móveis de madeira que ele adora fazer, descobriu a alguns anos que sua habilidade com madeira é surpreendente, é auto didata, e trabalha com madeira de demolição.
Possivelmente pelos próximos dias vou colocar fotos de algumas peças que ele fez , e vamos fazer um site pra ele, alias possívelmente quem vai fazer este site será Margaret que ja ofereceu, e está esperando uma quantidade boa para editar as fotos. Como ele está iniciando nas produções pra venda, porque até então ele fazia para casa e pra amigos, vamos aguardar o artista expor sua obra...rsrs
Então é isso Sr. Cesar, ou Cesinha como muitas pessoas chamam, ou Cééééésar como uma amiga minha chama ou Cé, como a mãe dela chamava, ou Vovô Chesa como o Artur (seu ajudante de marceneiro) chama agora...rsrs.
Continue sendo nosso amor, o amigão que é para todos nossos amigos, o paizão, o motorista, o marceneiro, o amor da Katita, Negona e Bolinha (nossas cachorras), o vizinho amigo que está sempre pronto a servir, o melhor cozinheiro que faz comidas rapidinhas.....rsrsr, o genro que meu pai adora, o sobrinho querido do MEU tio, o cunhado LEGAL PRA CARAMBA do meu irmão, e tudo mais que você é e sempre será para todos nós.
Você merece muitas alegrias e apesar de você estar chato, "veio turrão"...rsrs te amamos muito, e sem você minha vida jamais seria como ela é e meus filhos jamais seriam como eles são, pessoas de bem, que sempre nos deram alegrias e graças a você e a nós claro, nunca tivemos nenhum problema com eles.
Te amo !!!

Renata Mafra

.

7 comentários:

Bau de Idéias da Cláudia Melo disse...

Adorei sua demostração de amor e carinho por Cesar...
E claro que adoro o meu sogrão, me lembro muito bem quando fui a primeira vez na sua casa e vc estava viajando e ele me recebeu muitissímo bem que foi o marco inicial para eu ser a tão sonhada nora dele.

Beijinhos e parabéns ao casal!!!

Margaret disse...

Que lindooooooooo
Que lindooooooooooo e
QUE LINDOOOO....
E depois voce reclama quando me declaro pra ele. Ja viu que nao tem declaração certa ne? Ele é seu e ninguem tasca (so tiro lasquinha de brincadeirinha)
beijocas

Peu disse...

coisa bonita hein? ele merece!

Maura disse...

César e Renata, no amor, 1+0 = 0, mas 1+1 é sempre 2. Amo tudo isso que é a estória de vcs e amo ter participado dela.
Beijo, careca!

Nicinha disse...

Amiga, engasguei!!! Sou relativamente nova em sua vida mas peguei o despontar da sua doença e pude presenciar de perto a dedicação deste grande homem!!!
Mas, por detras de um grande homem existe uma grande mulher..., vocês são a tampa com a panela, a meia para o sapato!!!
Continuem juntos para sempre, e se possivel me adcionem a este contexto!!! Beijos mil, Nicinha.

Catpad disse...

que bonita demonstraçao de amor!
um amor assim é tudo o que se pode perdir.. simples e incondicional!

:)

carlaaraponga disse...

Poooorra!!!!Me fez chorar do inicio ao fim. Amo voces! Saudades da cozinha, das comidinhas....risos
Acho que tô precisando de umas férias de novo...AVISO AOS NAVEGANTES, heim...risos.
Bjs e amei a homenagem.

Tradutor

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...